Artigos Populares Sobre Saúde

none - 2018

Perca o peso e perca a dor, também

Respeitamos sua privacidade.

Tanto a obesidade quanto a dor crônica são problemas generalizados nos Estados Unidos, mas o que você talvez não saiba é que as duas condições podem ser relacionadas. Se você está carregando peso extra, corre risco de dor crônica, especialmente depois dos 40 anos. E quanto mais pesado você é, maior o risco.

Pesquisa publicada na revista Obesidade relação entre dor e obesidade muito clara. Este estudo de mais de um milhão de pessoas sugere que a obesidade em si pode causar dor, mesmo na ausência de uma doença ou condição dolorosa. Os pesquisadores especulam que a gordura corporal aumenta os hormônios associados à inflamação, levando à dor

Perda de Peso para Conquistar a Dor

Você pode diminuir o risco de inflamação causadora de dor ao perder peso. No processo, você também diminuirá a tensão que o excesso de peso coloca em seu corpo, especialmente nas suas costas. "Pedimos muitas de nossas costas", diz David Greene, MD, CEO da Florida Pain Network. "Eles carregam o peso do nosso corpo [e] fornecem a capacidade de girar, flexionar, estender e absorver cargas significativas a cada passo do caminho Ele acrescenta que carregar peso adicional força a coluna a absorver mais carga do que o necessário, o que pode levar a hérnia de disco, ciática ou artrite espinhal - todas condições dolorosas.

Perder peso é mais fácil falar do que fazer, mas quebrá-lo em pequenos passos, o obstáculo pode parecer menos assustador. Essas idéias para perda de peso a longo prazo da Academia de Nutrição e Dietética vão começar:

  • Mude sua mentalidade de uma dieta rápida para uma mudança permanente em seus hábitos alimentares, a diferença no sucesso a longo prazo. Aprenda com os erros do passado e não desista, mesmo que tenha que fazer várias tentativas para perder peso.
  • Crie metas de curto e longo prazo antes de iniciar um programa de perda de peso. Boas metas gerais Exercite-se com mais frequência ou coma lanches saudáveis, mas você pode ter mais sucesso alcançando-os definindo metas semanais com um enfoque mais restrito. Por exemplo, decida comer uma porção extra de legumes por dia, em vez de um amido. Ou, substitua aquela fatia de bolo pela sobremesa com uma xícara de frutas suculentas.
  • Lenta e constante vence a corrida. Evite fazer mudanças radicais e completas na dieta. Comece por melhorar o que você está comendo no café da manhã e avance a partir de lá.
  • Faça com que suas porções pareçam apetitosas ao adicionar frutas e legumes coloridos ao seu prato. Eles são carregados de nutrientes e fibras, que mantêm você sentir-se satisfeito por mais tempo e torná-lo menos propenso a fazer lanches entre as refeições.
  • Beba um copo grande de água antes de cada refeição. Pesquisas mostram que pessoas que bebem água antes de uma refeição ingerem cerca de 75 calorias a menos com a refeição. Se você está tendo problemas para começar, recrute um nutricionista para ajudá-lo com uma abordagem sensata e obtenha apoio e motivação da família e dos amigos.

Exercite-se suavemente para conquistar Peso e dor

Você pode ficar tentado a confiar apenas na dieta para perder peso, mas o exercício é a segunda parte de qualquer plano bem-sucedido de perda de peso. Além de seus muitos benefícios para a saúde, o exercício aumenta a perda de peso - ajuda a queimar mais calorias e constrói músculos, e o músculo usa calorias mesmo quando você está em repouso. Exemplos comuns de atividade física incluem caminhadas, ioga, corrida, natação e levantamento de pesos, mas até mesmo pequenas atividades diárias - subir escadas, varrer a varanda - queimam calorias. E essas calorias somam. Essas etapas podem ajudá-lo a se exercitar:

Se você estiver fora de forma e estiver lutando contra a dor crônica, comece com atividades de baixa intensidade que não exijam muito esforço, como andar uma vez no quarteirão ou duas vezes por dia.

  • Encontre maneiras de ser mais ativo em casa ou no trabalho - abaixe o controle remoto e se levante para mudar os canais de TV, atravesse a sala algumas vezes por dia e encha sua garrafa de água no bebedouro do escritório durante os intervalos. Gradualmente, você será capaz de se exercitar por mais tempo. Uma vez que caminhar é confortável, experimente uma atividade de intensidade moderada, como nadar ou andar de bicicleta estacionária.
  • (A natação é especialmente de baixo estresse porque a água amortece as articulações, em vez de forçá-las.) Uma maneira fácil de saber se você está no nível certo é se pode falar durante a atividade, mas não cantar O treinamento de força é outro tipo de exercício que aumenta sua aptidão. nível e ajuda a perder peso.
  • Comece devagar, trabalhando com bandas de resistência ou pesos leves de mão, e direcione cada um dos principais grupos musculares duas ou três vezes por semana (com um dia de descanso entre eles). Para evitar lesões e aprender a forma adequada, tente trabalhar com um instrutor de fitness certificado para começar. Conforme você fica mais forte, você pode adicionar mais peso. À medida que você progride e à medida que o peso aumenta, você encontrará a motivação que precisa para continuar. Lembre-se de redefinir as metas de curto prazo à medida que você as alcança e continue confiando em sua rede de apoio de entes queridos e especialistas em saúde para permanecer no curso por um longo período de tempo.Última atualização: 11/26/2013

Envie Seu Comentário